Cartas abolicionistas: proposta de edição e estudo sistêmico-funcional de cartas de Joaquim Nabuco (séc. XIX)

Autor

Hérvickton Israel de Oliveira Nascimento

Orientador

Profa. Dra. Maria Medianeira de Souza

Ano da defesa

2013

Resumo

O presente trabalho objetiva apresentar os resultados do processo de edição e estudo sistêmico-funcional de cartas de temática abolicionista do político e escritor pernambucano Joaquim Nabuco (séc. XIX). Para tanto, lançou-se mão do aporte teórico-metodológico da Filologia Textual, entendida primordialmente, como afirma Auerbach (1972), como o "conjunto das atividades que se ocupam metodicamente da linguagem do Homem e das obras de arte escritas nessa linguagem". Como passos iniciais da pesquisa, após concluída a etapa de digitalização dos documentos, depositados na Biblioteca da Fundação Joaquim Nabuco, em Recife-PE, escolheu-se os critérios de transcrição das 15 cartas selecionadas, levando em consideração o jogo dialético entre o público leitor e os objetivos da edição. Estabelecida a leitura, de natureza conservadora, partiu-se para o estudo linguístico que contempla a análise dos processos principais, componentes do sistema de transitividade. Os resultados quantitativos obtidos mostram a predominância dos processos materiais (46,07%), responsáveis pelas ações no mundo concreto, seguidos dos processos relacionais (25,84%), que codificam visões próprias de mundo, e dos processos mentais (15,17%), que realizam ações nos planos perceptivo, cognitivo e sentimental.

Baixar arquivoClique para baixar